O que você procura?

sexta-feira, 20 de março de 2015

CÂMARA FEDERAL DIVULGA ENQUETES SOBRE AUXILIO-RECLUSÃO, POLÍCIA ÚNICA E AUTO DE RESISTÊNCIA

Logo Câmara dos Deputados
Boletim Acompanhamento de Enquetes
Brasília, sexta-feira, 20 de março de 2015

Enquetes ativas

1.633.376 votos
Você concorda com o fim do auxílio-reclusão e a criação de um benefício para as vítimas dos crimes? (Clique aqui para saber mais)
95,45 %
Sim
4,02 %
Não
0,53 %
Não tenho opinião formada
* Dados parciais até a data 20/03/2015. Veja aqui o resultado atual.
icone e-mail
icone orkut
icone facebook
icone twitter
225.621 votos
Você concorda com a proposta que extingue as polícias civil e militar para criar, em cada estado e no Distrito Federal, uma única polícia desmilitarizada? Clique aqui para saber mais
65,99 %
Não
33,43 %
Sim
0,57 %
Não tenho opinião formada
* Dados parciais até a data 20/03/2015. Veja aqui o resultado atual.
icone e-mail
icone orkut
icone facebook
icone twitter
82.431 votos
Você concorda com o projeto que cria regras rigorosas para apuração de mortes e lesões decorrentes de ações de policiais e outros agentes do Estado? (Clique aqui para saber mais).
69,53 %
Não
29,9 %
Sim
0,57 %
Não tenho opinião formada
* Dados parciais até a data 20/03/2015. Veja aqui o resultado atual.
icone e-mail
icone orkut
icone facebook
icone twitter
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

1 comentários:

Paulo César disse...

É triste e dá vontade de chorar. Neste País não basta ao preso somente a super proteção, eles também tem privilégios que as pessoas de bem não tem. Tive minha casa incendiada por marginais em abril do ano passado. Alguns dos marginais pagaram fianças, sairão da cadeia, foram novamente presos, pagaram fiança e estão soltos. Perdi tudo, o estado ganhou dinheiro com minha perda. Estou prestes a perder o pouco que me restou. Comprei um imóvel pelo "Promorar" e o vendedor esta prestes a desistir, estamos já a mais de sete meses esperando pela liberação de uma verba. Dá vontade de desistir da vida, todavia, vou esperar no meu Deus. Sgt Vidal.