O que você procura?

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

SERVIÇÃO: POLÍCIA CIVIL PRENDE 18 PESSOAS E APREENDE CARROS E DROGAS EM MINAS

Operação MercúrioAo todo, foram cumpridos 26 mandados de busca e apreensão nesta quarta

Com o intuito de desarticular uma organização criminosa que agia no tráfico de drogas e furtos de veículo, cargas e residências na região metropolitana de Belo Horizonte e na região Central de Minas, a Polícia Civil realizou na manhã desta quarta-feira (24) a operação “Mercúrio” em Curvelo, Sete Lagoas, São Gonçalo do Abaeté e Luizlândia do Oeste.

Ao todo, foram cumpridos 26 mandados de busca e apreensão, resultando na prisão de 18 pessoas e apreensão de sete automóveis; duas motos; duas armas de fogo (um revólver calibre 38 e uma pistola 9mm); colete balístico; diversas munições (calibres 9mm, .762, .45 e 38); porções de maconha, crack e cocaína; materiais utilizados para refino de drogas, além de aparelhos celulares, eletrônicos e diversos documentos relacionados à investigação.

De acordo com a Polícia Civil, a organização criminosa atuava em grande extensão territorial no estado. “Os suspeitos estão envolvidos em uma variedade de modalidades criminosas, como tráfico de drogas e armas, roubo de automóveis, motocicletas, coletivos, estabelecimentos comerciais, postos de combustível, residências, fazendas, além de receptação, adulteração e desmanche ilegal de veículos”, informou o delegado responsável pela operação, Diego Matos.

Participaram da operação 119 policiais civis, em 30 viaturas, contando ainda com o suporte do Canil e do Núcleo de Operações Aéreas da Polícia Civil. 

FONTE: O TEMPO
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

1 comentários:

Anônimo disse...

Deputado cabo julio, deputado sargento rodrigues e deputado sub tenente gonzaga, fez a maior covardia com os praças e oficiais da polícia militar, ao colocar o critério de merecimento acima da antiguidade para o critério de promoções, onde já se viu isso numa instituição militar onde o mais moderno passa a ser superior do mais antigo, realmente o militarismo na policia futuramente vai acabar, nem o RDPM que era um regulamento tão covarde não existia isso, quando que os deputados irão resolver este problema, voltar a promoção por antiguidade ter critério de superioridade, onde esta a hierarquia e a disciplina, sendo que o mais moderno ao ser promovido por merecimento passa a ser superior do mais antigo, e pior ainda, isso acontece com militar que esta com a ficha limpa, sem nenhum tipo de punição, que vergonha senhores deputados, quando irão resolver isso.