O que você procura?

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

POLÍCIA CIVIL MONTA FORÇA-TAREFA PARA PRENDER SUSPEITOS DE BALEAR POLICIAL CIVIL NA PAMPULHA

Chefe da Polícia Civil visita hospital e conversa com familiares do investigador baleado
Uma força-tarefa foi montada pela Polícia Civil para localizar e prender os dois suspeitos de atirar em um membro da corporação. Na noite de terça-feira (6), o investigador Vinicius de Morais Mendes foi baleado na cabeça durante uma tentativa de assalto. O crime aconteceu no bairro Ouro Preto, região da Pampulha, em Belo Horizonte.

A chefe do Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa, Cristina Cicarelli, informou que a corporação trabalha de forma intensa e ininterrupta para identificar os suspeitos. Ainda conforme Cicarelli, desde a notificação da ocorrência, equipes estão empenhadas nas buscas pelos autores do crime.

Após a tentativa de homicídio, Mendes foi socorrido e encaminhado para o Hospital Odilon Behrens em estado gravíssimo. Nesta quarta-feira (7), o chefe da Polícia Civil, João Octacílio Silva Neto, acompanhado de membros do Conselho Superior da Instituição, estiveram no hospital. 


O crime

O investigador Vinicius de Morais Mendes, de 29 anos, que atua 4ª Delegacia de Plantão de Contagem levou um tiro na cabeça durante uma tentativa de assalto.

Segundo a namorada da vítima, o casal seguia a pé em direção a um bar na avenida Fleming, logo depois de estacionar o carro. Durante o percurso, o policial notou a aproximação de dois suspeitos, sendo que um possuía uma arma na cintura e anunciou o assalto. A vítima teria sacado a arma para se defender quando foi baleada na cabeça. 

A arma do policial não foi encontrada no local do crime.

FONTE: HOJEEMDIA
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: