O que você procura?

terça-feira, 9 de setembro de 2014

CABO JÚLIO SOLICITA IMPLEMENTAÇÃO IMEDIATA DA RESOLUÇÃO ''PRÓ-APOIO'' DOS POLICIAIS MILITARES

Casa do SD Souza em Igarapé ficou completamente destruída,
 após incêndio criminoso no dia 7/09.
O Deputado Estadual CABO JÚLIO solicitou ao Comando-Geral da Polícia Militar de Minas Gerais a implementação imediata das medidas assinaladas na Resolução nº 4.314 de 02 de junho de 2014 como forma de coibir ações criminosas que estão ameaçando policiais militares e suas famílias. A iniciativa do CABO JÚLIO tornou-se necessária, após três policiais militares serem ameaçados nos últimos dias. Após o soldado Ivanildo Souza de Lima, lotado na 7° Cia, ter a residência arrombada e incendiada na noite de sábado (07/09), mais dois policiais militares foram ameaçados nesse final de semana.

O Cabo Moreira da 186ª Cia de Pedro Leopoldo foi ameaçado por criminosos da região e que são acompanhados por outros da favela Sumaré em BH. A família do militar foi coagida após saber que suspeitos do bairro da Lua estão planejando atentar contra a vida do Cabo Moreira e de sua família.

Em Vespasiano, na área da 180ª Cia, a Cabo Diene teve a residência arrombada por dois criminosos que ameaçaram seu filho, reviraram os quartos e levaram dinheiro. Só não levaram mais coisas porque se assustaram com os vizinhos. 

Segundo o comando da PMMG, reunião definirá regulamentação da resolução até sexta-feira (12/09). “É necessário a sociedade conscientizar-se que é inadmissível um servidor da defesa social ser ameaçado por causa da sua função. O Estado precisa dar uma resposta rápida e eficaz a esses infratores que não tem respeito pela lei e apostam na impunidade. Estarei acompanhando a regulamentação, implantação e execução da resolução, para que o policial tenha segurança para sua família e, consequentemente, ofereça segurança a toda sociedade”, enfatizou CABO JÚLIO.


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: