O que você procura?

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

EM MINAS GERAIS É PROIBIDO RECLAMAR DE POLÍTICO

Em 2010, quando eu era Vereador de Belo Horizonte, houve uma negociação salarial em que participaram todas as entidades de classe, o Comando da PM e do CBM, este parlamentar e um outro Deputado representante da classe.

Foram mobilizados vários militares do interior, principalmente, reformados que fizeram passeatas e uma assembleia no Clube dos Oficiais. Alguns reformados viajaram para BH por mais de 12h dentro de um ônibus.

Ao fim, foi conseguido um aumento parcelado em 3 anos e meio. Porém, a maioria esmagadora dos militares presentes na assembleia não aceitaram o parcelamento do aumento.

Este parlamentar publicou artigo criticando a palhaçada com a tropa. Trazê-los de longe e passar por cima da vontade dos presentes. A assembleia não aprovou o acordo (quem estava la é testemunha).

Um Deputado da classe, que se acha acima de qualquer critica, entrou com processo por calúnia contra o CABO JULIO por se achar indignado de eu ter dito que foi uma palhaçada com a tropa.

Depois de 5 anos, hoje a Justiça Eleitoral (TRE) condenou o Deputado CABO JULIO por ter criticado a atitude de sua excelência, o Deputado, a pena de 4 meses de detenção, transformada em pena pecuniária (cesta básica). 

PORÉM A PENA ESTA PRESCRITA

Imagine se a moda pega? Nunca mais poderíamos criticar um vereador, ou Deputado, ou Governador e até a Presidente da República.

Quem não quer ser cobrado ou criticado não pode ser político. Eu mesmo já fui duramente criticado e NUNCA processei um colega por isso.

Mesmo tendo sido criticado por este Parlamentar durante a campanha onde este gastava mais tempo falando de mim do que pedindo votos, eu nunca fiz isso.

Acredito que a soberba no tempo certo dará a resposta.

Como representante de classe temos a obrigação de não só de receber confetes e homenagens mas também críticas.

Por mais que outro faça de tudo para me prejudicar 24 horas por dia vai ter que me aguentar mais 4 anos.

Abraço a todos.

Deputado Estadual CABO JULIO
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

2 comentários:

Anônimo disse...

O sálario em 2010 que estava sendo pedido era de R$4.000,00 (equiparação com a PM de Brasília).

Anônimo disse...

É; este DEP que nos traiu em nosso reajuste salarial ainda vai tentar aprontar com a sua pessoa Júlio. Só espero que vossa pessoa venha a se prevenir para evitar desgaste de sua pessoa. Um grande abraço; pois vc representa a nossa policia e tenho certeza que muitos eleitores que não votaram na sua pessoa haverá de pensar melhor nas nossas futuras conquistas.