O que você procura?

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

POLÍCIAS IDENTIFICAM CRIMINOSOS QUE ATEARAM FOGO EM ÔNIBUS EM MINAS GERAIS

Incêndio ônibus Uberlândia (Foto: Kelton Borracheiro/Arquivo pessoal)Suspeita é que crime esteja relacionado com briga de escola de samba.

Crime aconteceu em Uberlândia e suspeitos não foram presos ainda.

As polícias Militar e Civil identificaram três suspeitos que podem estar envolvidos no incêndio de um ônibus do transporte urbano, na noite de segunda-feira (17), no Bairro Osvaldo Rezende, em Uberlândia. Os policiais trabalham com a hipótese de que o incêndio criminoso esteja ligado à briga durante a apuração do resultado do desfile das escolas de samba. Até esta manhã ninguém havia sido preso.

O crime aconteceu entre a avenida Engenheiro Azeli e a Rua Sacramento. De acordo com a PM, o incêndio começou por volta das 20h30,quando os suspeitos fizeram sinal para o motorista em uma parada de ônibus da avenida. Um dos criminosos estava armado e ordenou que todos saíssem do veículo, ateando fogo em seguida. Eles não levaram nenhum objeto dos passageiros.

As chamas se espalharam rapidamente e chegaram a atingir a rede elétrica, deixando os moradores sem eletricidade e serviço de telefonia. Alguns passageiros relataram ter se machucado na hora de descer do veículo. No momento do crime, um morador Kelton filmou o incêndio e conversou com uma das passageiras.

Pelas imagens é possível identificar a mulher relatando que estava dentro do ônibus, que se molhou com o álcool e se machucou.

Confusão no carnaval de Uberlândia

Conforme informou a Polícia Militar, o crime pode estar relacionado a uma confusão que foi registrada durante apuração da escola de samba campeã em Uberlândia. Durante o evento, nesta segunda-feira (16), integrantes de uma das escolas foram em direção à entrada do camarote e começaram a destruir a estrutura na tentativa de invadir o espaço onde estava a organização, inconformados com o resultado.

A apuração ficou suspensa por meia hora. Durante a confusão, os seguranças entraram em luta corporal com os foliões e algumas pessoas saíram feridas. Parte da estrutura metálica que fazia a proteção do camarote caiu e os integrantes da escola, exaltados, começaram a xingar os responsáveis pela festa e contestaram as notas.

FONTE: G1
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: