O que você procura?

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

DEPUTADO CABO JÚLIO RECEBE AGENTES CONTRATADOS DA 11ª RISP


O Deputado CABO JÚLIO recebeu na manhã desta segunda-feira (28/11) em seu gabinete representantes da Associação dos Agentes Penitenciários do Norte de Minas (AASPSEN/MG) e de Agentes de Segurança Penitenciários (ASP) da 11ª Região Integrada de Segurança Pública (Risp). O objetivo da reunião foi discutir a situação dos contratos de trabalho desses servidores que podem ser substituídos por servidores nomeados do concurso público de 2013.

A transferência de presos que estavam sob a custódia da Polícia Civil para a Secretaria de Administração Prisional (Seap) vai demandar muito mais servidores da pasta, como no norte de Minas, por exemplo, que passa a contar com mais quatro cadeias. Esse argumento apresentado, motivou o deputado CABO JULIO a marcar uma reunião com a Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) a fim de construir uma conversação sobre este problema que não estava no script, nas palavras do CABO JÚLIO. ''O argumento de vocês é sólido. Vocês estão de parabéns. É assim que se constrói. Não é xingando e brigando que se resolve as coisas. Temos mais presos com a mesma quantidade de agentes", afirmou. 

E ainda, de acordo com o deputado, a discussão sobre a permanência dos agentes nas cadeias que foram assumidas, ''de forma alguma'', se contrapõe ao concurso público de 2013. 

O deputado anunciará a data da reunião, tão logo ela seja marcada pela Seplag. 


Confira o vídeo
video






Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

7 comentários:

Anônimo disse...

É bem mais fácil lutar por um contrato "vitalício",que estudar né??

Anônimo disse...

Contrato vitalício, enfraquece o sistema, sempre estaremos nas mãos de políticos, e tem mais, a pec 308 nunca sera aprovada com esse tanto de contratado no sistema prisional!

Anônimo disse...

O estado não ta respeitando nem o ministério público, que ja pediu para que os contratos fossem substituido por concursados enquanto isso os 6500 candidatos aptos e formados aguardam desempregados, quem mandou estudar também ne?era melhor ter feito processo seletivo

Alison Vinicius disse...

Concordo plenamente acho bobagem ficar adiando o inevitável, infelizmente a realidade é que o contrato vai ser extinto.isso ai e adiar o inevitável.

Anônimo disse...


Cabo Júlio,

Chamar menos do que 1100 excedentes da Polícia Civil é sub-utilizar o espaço da Acadepol e os professores, pois a capacidade da mesma é de 1100, visto isso não há motivo para se chamar "gatos pingados".

Veja bem, o senhor disse que os contratados do sistema prisional têm um argumento SÓLIDO para continuarem no sistema, pois bem isso é verdade, mas e o argumento dos Excedentes da PC?

Nossos argumentos são MUITO FORTES, MUITO SÓLIDOS! A PC tem um déficit de 50% no cargo de investigador de polícia, algo em torno de 5.000 homens. Somos pouco mais de 1300.

Somente de aposentadorias de 2008 até o início de 2016 já são mais de 1900, sem contar as mortes, exonerações, demissões e etc.

Ora, viu cabo Júlio!? Nossos argumentos são ótimos.

Por favor, nos ajude. Mostre sua força política e consiga para nós, pelo menos, 1000 nomeações em Janeiro, para que possamos iniciar o curso no início de Fevereiro.

Muito obrigado pela atenção.

Luiz Libras Paixão e surdos no coração! disse...

Eu estudo e tenho ainda uns quatro anosde contrato pela frente,mas não troco a experiência dos contratados pelos concursados.e como disso, tem lugar pra todos. Mas de pessoas que queiram trabalhar, e não como alguns, concursados achando que nós contratados somos escravos. Le le le to fora.

Anônimo disse...

Pelo fim dos contratos e outra: quando os contratados entraram no sistema eles tinham experiência? Claro que não e ainda eram menos preparados, bem menos que concursado , que participa de várias etapas, faz duas provas, curso de formação de 40 dias e estágio. Tudo isso se arrasta por mais de 3 anos e contratado? Quando entrou por currículo e indicação fez um curso de uma semana ou menos e vem falar que concursado não tem experiência. Isso é história. Que vença a MERITOCRACIA e que até março ,abril o concurso termine. Obrigado Cb Julio