O que você procura?

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

PEQUENO COLECIONADOR REALIZA O SONHO DE CONHECER OS BOMBEIROS

altJoão Pedro Andrade Seixas, sete anos de idade, tem o sonho de se tornar Bombeiro Militar. Acompanhamos a sua primeira visita a um Batalhão de Bombeiros, na manhã desta sexta-feira (20/02).

João Pedro chegou um pouco tímido, mas ao avistar a primeira viatura na garagem da prontidão de incêndio do 3º Batalhão de Bombeiros Militar (3º BBM), já afirmou. “Essa é a viatura Magirus”. E assim foi durante toda a visita, demonstrando grande conhecimento, apesar da pouca idade, sobre a rotina, equipamentos e viaturas do Corpo de Bombeiros. A curiosidade também acompanhou nossa manhã e as perguntas eram a respeito da atividade operacional de um bombeiro: “Como os bombeiros sabem quando devem ir para uma ocorrência? Quanto tempo ele têm para assumir seu posto? O que é sentinela? Quantas viaturas podem rodar ao mesmo tempo?” E a cada resposta, o encantamento aumentava.
alt
O professor Marcelo Mota Santos Seixas, pai de João Pedro, declarou que a paixão do menino pelos Bombeiros começou mais cedo ainda, aos três anos de idade, após visitar uma exposição do Corpo de Bombeiros e ter o seu primeiro contato com a autobomba American La France, carro de combate a incêndio do ano de 1959. A partir desse momento, João Pedro passou a colecionar brinquedos, miniaturas de viaturas, batalhões e a pesquisar a história da Instituição e de outros Corpos de Bombeiros mundo afora. Seriados, filmes, Internet e o tema é sempre: Bombeiro. O pai de João Pedro afirma achar importante a identificação do filho com a profissão de bombeiro militar. “Eu fico encantado, porque o interesse sempre partiu do João. Eu não tenho parentes militares e tenho certeza que essa influência de valores do bem, que são caros à Instituição, vão ajudá-lo em sua formação como cidadão e quem sabe no futuro como bombeiro”, diz.

alt
Após nossa visita ao batalhão e uma apresentação especial da BIOS - Bombeiro Instrumental Orquestra Show, finalizamos nosso encontro com uma pergunta ao João. Pergunta que norteia a Instituição e faz homens e mulheres deixarem seus lares todos os dias. Pergunta que cria a identidade do Corpo de Bombeiros que a sociedade compreende e admira. João, você sabe qual é o trabalho dos Bombeiros? Ele responde sem titubear: “Eles salvam vidas.”

alt          alt

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: