O que você procura?

sexta-feira, 19 de junho de 2015

SUSPEITOS DE ATIRAREM CONTRA PM FURAM BLOQUEIO COM 200 KG DE MACONHA

Durante a tentativa de fuga, criminosos atiraram contra a PM no Sul de MG. Droga foi apreendida após trio cair com o carro em um barranco.

Pelo menos 200 kg de maconha foram apreendidos pela Polícia Militar na manhã desta sexta-feira (19) em Caldas (MG) dentro de um veículo usado por suspeitos durante uma fuga. Segundo os militares, o caso teve início durante a noite de quinta-feira (18), quando o carro com placas de Campinas (SP) furou uma blitz em Ipuiúna (MG) e três bloqueios policiais.

De acordo com a polícia, os suspeitos não acataram uma ordem de parada e disparam contra os policiais que realizam a blitz. Os militares revidaram com tiros de fuzil contra o carro, mas os criminosos conseguiram fugir.

Em Santa Rita de Caldas (MG) outro bloqueio foi armado, mas novamente o motorista conseguiu escapar e fugiu sentido Caldas (MG), onde já havia outro cerco montada pela Polícia Militar. No entanto, o condutor do carro conseguiu, mais uma vez, furar o bloqueio policial e fugir pela BR-146. Em seguida, os policiais pediram reforço para a PM de Poços de Caldas, mas o carro não foi mais localizado.

De acordo com o tenente Wilson Marfório Mendes, o veículo só foi encontrado na manhã desta sexta-feira em um barranco, há cerca de 500 metros da rodovia. Segundo o policial, a suspeita é de que os criminosos não tenham conseguido fazer a curva e caíram no barranco. “Os air-bags do carro estavam acionados,mas não havia sangue dentro, o que nos leva a crer que os suspeitos conseguiram fugir. Possivelmente eles acionaram alguém e obtiveram ajuda”, comentou o tenente.

Ainda de acordo com ele, a perícia da Polícia Civil foi acionada até o local onde o carro foi encontrado. Os militares verificaram a propriedade do carro e não consta nenhum registro de roubo. A droga encontrada também foi apreendida e encaminhada para a Delegacia de Caldas. Os militares continuam fazendo buscas e rastreamentos para tentar localizar os suspeitos.

FONTE: G1
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: