O que você procura?

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

GUARDA MUNICIPAL REAGE A ASSALTO E MATA LADRÃO EM VENDA NOVA

Imagem relacionadaJá com as chaves do carro da vítima na mão, bandido foi em direção ao agente de segurança e apontou a arma para sua cabeça

Uma tentativa de assalto a um guarda municipal terminou com um dos ladrões assassinados, na noite dessa quinta-feira (2), no bairro Serra Verde, região de Venda Nova, em Belo Horizonte. Após a morte do bandido, dois ônibus foram incendiados na área e a possibilidade de vingança não está descartada.

Conforme consta no boletim de ocorrência da Polícia Militar, o guarda, que estava de folga e não teve a idade revelada, contou que estava conversando com uma pessoa perto do seu carro, na rua Augusto Ferreira dos Santos, quando dois jovens se aproximaram, sendo que um deles portava uma arma.

Os suspeitos anunciaram o assalto e exigiram as chaves do veículo, que foram entregues pela vítima. No entanto, mesmo com as chaves, o criminoso apontou a arma para cabeça do guarda e foi em sua direção. O agente de segurança se identificou e tentou conversar com os ladrões.

O suspeito não se entregou e, para se defender, o guarda atirou nele duas vezes. As balas atingiram o tórax do bandido, que correu e caiu na rua Claudelino Xavier de Assis. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas o homem, que não portava documentos - e por esse motivo não foi identificado -, não resistiu aos ferimentos. Uma réplica de pistola foi apreendida.

O comparsa do ladrão, um adolescente de 16 anos, foi apreendido e encaminhado ao Centro Integrado de Atendimento ao Adolescente Autor de Ato Infracional (CIA/BH).

Segundo a assessoria de imprensa da Guarda Municipal, o guarda portava arma particular, devidamente registrada, e já havia recebido treinamento na instituição. Por enquanto, ele ficará prestando serviços internos. Além disso, a corregedoria acompanha as investigações da Polícia Civil.

Outros casos

Desde que a corporação passou a usar armas, em abril de 2016, outros dois casos de guardas que reagiram a assaltos e mataram bandidos foram registrados em Belo Horizonte e Contagem, na região metropolitana.

As mortes aconteceram no dia 27 de novembro do ano passado, no bairro Santa Efigênia, região Leste da capital, e no bairro Chácaras Cotia, em Contagem.

De acordo com a assessoria, os agentes passam constantemente por treinamentos.

FONTE: O TEMPO
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

1 comentários:

Anônimo disse...

Parabéns!!! a guarda cumpriu se dever.