Pesquisar este blog

Carregando...

...

...

.

.

.

.

segunda-feira, 14 de junho de 2010

41

CURSO SUPERIOR PARA PMMG E A POLÊMICA CARREIRA JURÍDICA




Clique nas imagens para ampliá-las - JORNAL HOJE EM DIA  (14/06)

41 comentários:

Anônimo disse...

a pm esta pagando o preço pelo seu conservadorismo arcaico, ignorante e egoista, agora só resta lamentar, as cabeças burras de durante muitos anos e decadas, sucateou e desprezou o conhecimento na pme o progresso........................

Anônimo disse...

dar status de carreira a jurica ao uma instuição que internamente,ignora a constuição do pais e os direitos humanos; é temerario.......................

Anônimo disse...

agora a PMMG tem ficar com seu mundinho , que ela escolheu , o mundo cpm, ela valoriza mais do constuição do Brasil, dar enfase e faz questão de dizer em alto e bom som , que na PMMG, a costuição do pais não vale , somos regidos por legislação propria; agora pm esta isolada da sociedade civil e costucional, se não fizer um giro de 180° , vai sangrar até morrer..................

Anônimo disse...

ATE QUE EM FIM A PMMG, COMEÇA A ANDAR PARA FRENTE, NA BUSCA DA VALORIZAÇAO E QUALIFICAÇAO DO SERVIÇO POLICIAL MILITAR, INFELISMENTE INDIVIDUOS COM INTENÇOES ELEITOREIRAS TENTAM JOGAR AREIA, NAO ENTENDO, AO INVES DE REINVINDICAREM SEUS DIREITOS, TENTAM ATRAPALHAR QUEM O FAZ, CREIO QUE SE A PM ACABAR, A ASSOCIAÇAO DA PC TAMBEM ACABA, POIS SEU MUNDO GIR AO ENTORNO DE SUA RIVAL.

Anônimo disse...

se a pmmg quer melhorar a qualidade, pleiteie somente a exigencia de nivel superior...isso sim e acietável, agora carrei jurídica é um frankestein...

Anônimo disse...

Penso que tal medida será um marco divisor de águas no campo da segurança pública estadual, uma vez que tal exigência tem como corolário uma efetivação na qualidade da prestação de serviço, ao passo que se trará para a IME um processo realmente SELETIVO. Profissionais com qualidade também deve ter qualidade na vida, nos estudos e nas relações sociais. Sendo assim, as melhorias serão visíveis não somente no âmbito do oficialato, mas sim em todos os níveis hierárquicos existente atualmente na PMMG.

Anônimo disse...

PECs a parte, já passou da hora do policial militar, Oficial ou Praça ser formado no curso de Direito. Aliás, acredito que o Praça precise muito mais ter conhecimento em Direito do que o Oficial, pois é ele que sempre está atendendo o cidadão primeiro que oficial e delegado. Portanto, visando uma qualidade de serviço melhor para a sociedade, o policial de uma forma geral precisa realmente ter uma formação mais clássica. Enquanto ficam nessa briga ignóbil de vaidades, a sociedade continua a perder para a marginalidade. E assim caminha a humanidade...

Anônimo disse...

caros amigos, é evidente que esse é um grande passo para a valorização dos militares em nosso estado. Com o requisito de curso superior para o ingresso na carreira, é claro que o salário não será o mesmo, agora quanto a questão de carreira jurídica, mesmo massacrando o ego de alguns "doutores" sem doutorado, deve ser entendido plenamente como carreira jurídica, ou o curso de direito cursado por militares é diferente?. Assim como ocorreu com os cabos que hoje são sargentos pela promoção por tempo, vai ocorrer com os praças que se formaram com muito sacrifío, tendo que mudar suas escalas e muitas vezes trabalhando de madrugada após a faculdade. mesmo depois de formados continuam nas fileiras, como soldados, cabos, sargentos, isso pelo amor a farda, pelo amor a PMMG, e por isso tenho certeza que serão ótimos ofíciais.

Soldado Corajoso disse...

Eu quero ver qual o cidadão civil formado em direito que vai fzer concurso para soldado, para ganhar uma miséria, trabalhar sábado, domingo, feriado à noite e ainda permanecer nessa bobeira de sim senhor e não senhor. Sou sincero há muita coisa que precisa mudar, principalmente esse militarismo que não traz progresso algum para o povo brasileiro. Eu não vejo a hora de mudar para curso superior e passados alguns meses para ver a lei sendo revogada por falta de candidatos. Só num país e num Estado atrasado é que a gente vê isso. Quando o cidadão entra para a PM, e vê como funciona ele entra em depressão e estresse, pois o sistema é horrivel, muitos usam do posto e da graduação para oprimir o próximo. A PRF é ensino médio com um curso de duração de três meses e ganha 3 vezes mais que um soldado da PM, e não tem militarismo com o mesmo nível de escolaridade. E o CTSP que começou com um ano e meio e a administração da PM não deu conta, sendo necessário passar para 9 meses e ainda insistem em chamá-lo de curso técnico. Gente vamos trabalhar com a realiadade. Passa primeiro o salário para 6.000,00 depois sim, comece a exigir curso de direito. Pense Nisso.

Anônimo disse...

ahhh tudo que vier para melhorar é bom para todos. Esse negócio de ficar esculachando a PM depois que entra nela é sinônimo de incompetência e moleza mesmo. Porque que entrou então??? Porque não foi capinar roça? trabalhar como médico, veterinário, dentre muitas outas profissões que existe. Fica doido para entrar depois que entra fica cuspindo no prato que comeu arrumando um monte de subterfúgios, criando da PMMG um monstro. PMMG é PAI, MÃE DE MUITA GENTE. Ahhhhhhh se não fosse ela................

Anônimo disse...

PARA OS PRÇAS SÓ PIOROU... O SONHO DE SER OFICIAL DA PMMG, AGORA APARTIR DO ANO QUE VEM... SERÁ MUITO DIFICIL.. POIS TERÁ QUE COMEÇAR UM CURSO DE DIREITO E SÓ DEPOIS DE 5 ANOS TENTAR O CFO...
SERÁ QUE OS PRAÇAS NÃ OENXERGAM ISSO NÃO!
PARA OS PRAÇAS ESSA LEI NÃO AJUDARÁ EM NADA... TERÁ UM ABISMO DE DIFERENÇA ENTRE OS OFICIAIS E OS PRAÇAS.PARA O PRAÇ A SÓ 10 EM 10 ANOS.... VERGONHA...

Anônimo disse...

PARA OS MÍOPES, MEUS PÊSAMES.A POLÍCIA MILITAR DE MINAS GERAIS, COM A INICIATIVA DE CONSOLIDAR A CARREIRA JURÍDICA MILITAR, ESTÁ ENXERGANDO O HORIZONTE LONGÍNQUO, OU SEJA ESTÁ PENSANDO NO FUTURO. A POLÍCIA DO CICLO COMPLETO ESTÁ EM ESTUDO E CASO SEJA IMPLANTADA NO BRASIL SÓ TEM A BENEFICIAR A POPULAÇÃO QUE TANTO SOFRE COM A INOPERANCIA DA POLICIA CIVIL. ASSIM, ELES VÃO PODER ANALISAR QUEM TRABALHA, QUEM COMBATE O CRIME E QUEM APENAS CUMPRE O HORÁRIO. ABRAÇO A TODOS.

Anônimo disse...

Com essa proposta tira-se da praça a oportunidade de ser oficial uma vez que terá que cursar a faculdade de direito para sê-lo. Imagine um soldado que ingressou na PMMG e, antes de tentar o CFO, resolveu fazer uma faculdade que não seja a de direito, uma vez que segundo legislação interna ele poderia tentar uma chance no CFO desde que tivesse menos de 20 anos de efetivo serviço. Agora não, somente filhos de oficiais e filhos de famílias mais abastadas poderão ser oficiais. É triste, mas a falta de araciocínio lógico na PMMG nos leva a acreditar que praça e oficiais são mesmo como água e óleo pois, na ânsia de se tornarem os "delegados militares" os oficiais menosp´rezaram aqueles que carregam a instituição nas costas. E mais triste é ver a praça desinformada e míope acreditando que esse é o caminho. DEVE-SE EXIGIR SIM CURSO SUPERIOR PARA ENTRAR NA PMMG, MAS DEVE SER QUALQUER CURSO PARA CTSP E CFO, E NÃO SOMENTE BCHARELADO EM DIREITO PARA CFO COMO QUEREM OS OFICIAIS. ACORDEM PRAÇAS. AO MENOS UMA VEZ NA VIDA TENHA A BOA VONTADE DE PESQUISAR E INTEIRAR-SE DO QUANTO VÃO PERDER SE ESSA LEI FOR APROVADA.

Wagner disse...

Os pseudos juristas que defendem a inconstitucionalidade da PEC que assegurará a carreira jurídica poderiam me responder qual artigo da CRFB a proposta de emenda constitucional está a ofender? Não há como pregar a incontitucionalidade de um artigo, lei, decreto ou PEC, sem se especificar, detalhadamente, onde está a ofensa à carta magna. Entendo que são igualmente infundados os comentários a respeito de infração aos direitos humanos! Os defensores desta tese vazia poderiam esclarecer onde, como ou porque a carreira jurídica ofenderia o princípio dos direitos humanos, ao invés de ficarem como papagaio repetindo as coisas sem um mínimo de reflexão!

Wagner disse...

Os pseudos juristas que defendem a inconstitucionalidade da PEC que assegurará a carreira jurídica poderiam me responder qual artigo da CRFB a proposta de emenda constitucional está a ofender? Não há como pregar a incontitucionalidade de um artigo, lei, decreto ou PEC, sem se especificar, detalhadamente, onde está a ofensa à carta magna. Entendo que são igualmente infundados os comentários a respeito de infração aos direitos humanos! Os defensores desta tese vazia poderiam esclarecer onde, como ou porque a carreira jurídica ofenderia o princípio dos direitos humanos, ao invés de ficarem como papagaio repetindo as coisas sem um mínimo de reflexão!

Anônimo disse...

Ao ler diversos comentários, observo que muitos internautas equivocam-se com as palavras pelo simples fato de querer obstar um grande avanço. Isso não será ruim para os praças não. Muito pelo contrário...será muito bom para aqueles que sempre buscaram o conhecimento e o estudo. Muitos praças são bacharéis e possuem plena capacidade de encarar um concurso ao CFO de acordo com os novos moldes. Tenho certeza de que a partir de então, o Curso de Oficiais da PMMG terá outra conotação, pois com alunos detentores de uma formação embasada pela filosofia, sociologia entre outras disciplinas imprescindíveis ao bom trato com normas militares tão anacrônicas o reflexo no âmbito institucional será diferente, uma vez qeu não se pode impor desmedidamente contra aquele que conhece o mínimo dos seus direitos. Sendo assim, penso que mais valerá a autoridado do argumento do qeu o argumento da autoridade. Portanto companheiros, analisemos tais fatos com certa racionalidade. Não vamos perder tempo em usar esse espaço democrático para execrar algo sem sequer tentar conhecer primeiro. Meu muito obrigado!

Anônimo disse...

A NOSSA PMMG DEVERIA SE ESPELHAR NA PMDF, CURSO SUPERIOR EM QUALQUER ÁREA PARA OFICIAIS E PRAÇAS, E NEM POR ISSO OS PROVENTOS RECEBIDOS PELA PMDF SÃO ISATISFATÓRIOS, MAS A VAIDADE É QUE DOMINA A MENTE DA PMMG...

Anônimo disse...

Ah, cria vergonha na cara!!! Como disse um companheiro acima, PMMG (PAI E MÃE DE MUITA GENTE)... Fico vendo um bando de preguiçosos "balangando beiço" e maldizendo da PMMG, contudo, são incapazes de fazer qualquer outra coisa para sobreviverem, não possuem capacidade de passar em outro concurso ou arrumar outro emprego,ficam ai um bando de parasitas denegrindo a instituição com o fim de justificarem suas frustrações pessoais. Concordo que há alguns militares folgados e que usam da posição que ocupão para espisinhar subalternos, contudo, esses não são maioria. Sempre fui contra ao termo: TÁ RUIM, PEDE PRA SAIR.. porém ao ver comentários depreciativos e de pseudos PMs, que só sentam a púa, são contra as conquistas que irão valorizar a classe, sinto obrigado a fazer coro com os que dizem: VC QUE NÃO CONTRIBUI COM NADA PARA A INSTITUIÇÃO, NÃO ESTA DEFENDENDO UM DIREITO QUE ESTÁ SENDO VILIPENDIADO E QUE NÃO LUTA PELO COLETIVO E SIMPLESMANTE ESTÁ RECLAMANDO PARA SATISFAZER SUAS FRUSTRAÇÕES PESSOAIS POR CAUSA DE SUA ÚNICA INCOMPETÊNCIA, VAI SER FELIZ, VC ESTÁ AQUI VOLUNTARIAMENTE, NÃO COMPENSA PASSAR A VIDA TODA INSATISFEITO...TENHA CORAGEM E PEÇA PRA SAIR...Agora se tua luta for contra qq injustiça, conte comigo. . . . .
PEC 59/2010 E CURSO SUPERIOR PARA PRAÇA, JÁ. . . .

Anônimo disse...

Os delegagados já conseguiram ser reconhecidos como carreira jurídica então só resta uma opçãp para a PM conseguir igual status. Caso contrário o abismo que se criará principalmente nas discussões salariais será como o atualmente existente com o judiciário e ministério público.
A PC já percebeu isto e esta lutando para que o abismo seja criado.
Qualquer dificuldade será recompensada se refletir em uma condição salarial mais digna.
Quem quiser ser oficial que se adapite as condições afinal a alguns anos atrás era exgido 8ª serie, depois segundo grau e a exigência de curso de direito é apenas mais um avanço.

Anônimo disse...

SD PAPO-RETO DISSE...

PORQUE NÃO ACABAM COM A DUAS MEIAS f... ASSIM FARIAMOS UMA SÓ POLÍCIA, SÉRIA SEM MAQUEIAGEM E QUE NÃO DEGLADIASSE COM A OUTRO. É UM OBSURDO SEMPRE OS DELAGADO E DETETIVES APROTAM, FAZEM E DESAZEM DE NOS PMS (PRAÇAS) O BUN...M..LE DO OFICIAIS SÓ SÃO HOMENS NA FORÇA DO REGULAMENTO, POIS "ACABA-SE O ARGUMENTO, A VEM O REGULAMENTO" E AI SOMOS PROSTITUTAS DO ESTADO, FILHOS FEIOS SEM PAIS, PORQUE NENGUÉM DEFENDE UM PRAÇA. SEMPRE É ASSIM A PC NA NO MEIO DA BANDIDAGEM, OS DELEGADOS QUE SE ACHAM DEUSES E OS OFICIAIS QUE TEM CERTEZA, COMEM NO MESMO PRATO E NOS PRAÇAS SOMOS ESCULACHADOS PELA IMPRENSA MARRON, PELA SOCIEDADE HIPÓCRITA (QUE SÓ QUER ENCHER O RABO DE DROGA) E PELA CORJA ACIMA MENCIONADA QUE PODE DE TUDO, TEM EMPRESA DE SEGURANÇA, PEGA BOLA COM TRÁFICO E JOGO DO BICHO E DEPOIS FICA NESSE PAPO DE CARREIRA JURÍDICA PRA LA. CARREIRA JURÍDICA PRA CÁ.. DEVE SER SÓ PRA FACILITAR A CACHORRADA. FALEI BRIGADO

Anônimo disse...

Talvez fosse legal ter curso superior de sociologia e filosofia para políticos, né? Fixar um pouco de moral e ética na cabeça de certas pessoas para que nunca cometessem certos "deslizes" (crime) contra a sociedade...

Anônimo disse...

DEVERIA SER EXIGIDO O CURSO DE DIREITO, PARA OS CARGOS DE OFICIAIS E PRAÇAS, POIS, LIDAMOS COM A LEI A TODO MOMENTO E O QUANTO MAIS CAPACITADOS, MELHOR. LOGICAMENTE O SALÁRIO DEVERIA SER MAIS ATRATIVO.
E A POLÍCIA DEVERIA SER DE CICLO COMPLETO.

PORTANTO, SE A PMMG, QUER MUDAR AS EXIGÊNCIAS PARA A SELEÇÃO DE PRAÇAS E OFICIAIS, A MEDIDA É BEM VINDA, PENSO QUE ESTÃO PENSANDO NO FUTURO, OU SEJA, NA POLICIA DE CICLO COMPLETO.

QUEM TEM A GANHAR COM A CARREIRA JURÍDICA MILITAR DOS OFICIAIS É A SOCIEDADE, POIS, CASO SEJE NECESSÁRIO QUE OS OFICIAIS ATUEM COMO DELEGADOS ELES ESTARAM HABILITADOS.

NÃO VEJO PREJUIZO PARA OS PRAÇAS NESSA PEC59/2010, POIS, QUEM QUER SER OFICIAL DEVE ESTUDAR PARA ALCANÇAR ESTE OBJETIVO.

EU SOU SOLDADO, E NÃO QUERO SER OFICIAL, QUERO TERMINAR OS 30 ANOS NA PMMG E CHEGAR AO CARGO MAXIMO NO FIM DA CARREIRA, OU SEJA 2º OU 1º TENENTE NA RESRVA, SE NÃO DER NÃO ME IMPORTO, QUERO TERMINAR NO MINIMO COMO SARGENTO. É PORQUE EU GOSTO DE ESTAR NAS RUAS, NO COMBATE DIRETO E A FUNÇÃO DE OFICIAL NEM SEMPRE ISSO É POSSÍVEL E QUANDO O CARA VAI A CAPITÃO AI JÁ ERA TEM QUE FICAR DE COMANDANTE CIA, SUPERVISÃO, IPMS, REUNIÕES DE TODO TIPO, ETC. NÃO QUERO ISSO PRA MIM. AGORA QUEM QUER ESSA ROTINA É SÓ LUTAR, QUE UM DIA VAI CONSEGUIR.

Anônimo disse...

TOMARA QUE ESSA PEC DOS OFICIAIS, SEJA APROVADA E QUE POSSAMOS UNIFICAR AS POLICIAS EM MINAS GERAIS, PORQUE A POLICIA CIVIL, INFELIZMENTE É MUITO INCOMPETENTE, SÃO PESSOAS INDISCIPLINADAS E QUE TRABALHAM MUITO MAL, NÃO TODOS, MAS A MAIORIA.

OS PCs, SÃO SÓCIOS DO CRIME ORGANIZADO E FICAM POR AI FALANDO DE DITADURA, DIREITOS HUMANOS, TORTURA, ETC.

ISSO TEM QUE ACABAR, A PMMG, TEM QUE PASSAR A INVESTIGAR, ATUAR EM INQUÉRITOS CIVIS, TER DIVISÕES ESPECIAIS DE INVESTIGAÇÃO, AI EU QUERO VER O QUE OS PCs, VÃO FAZER.

NA VERDADE ELES ESTÃO COM MEDO É DISSO, DE PERDER A BOQUINHA DELES NO CRIME ORGANIZADO. DESMANCHE, JOGO DO BICHO, EXTORSÃO, TRÁFICO, ETC.

O BICHO VAI PEGAR!!!!


SOLDADO ANÔNIMO>>>>

Anônimo disse...

Em mais de 20 anos de advocacia jamais vi tamanha tolice: uma PEC reconhecendo uma carreira eminentemente administrativa e militar como jurídica. Oficiais profissionais do DIREITO?????!!!!da ÁREA JURÍDICA??????!!!!!!! ISSO É RIDÍCULO! No RS, na década de 90, já houve uma lei que reconheceu os Oficiais da Brigada Militar como carreira jurídica, mas o STF a julgou inconstitucional. Acho que se passar na ALEMG, ocorrerá o mesmo novamente.

Anônimo disse...

COM TODO RESPEITO AO NOBRE COLEGA GERALDO PC, O QUE ESTAMOS VENDO É NA VERDADE, A CUPULA DA PM E PC PENSANDO APENAS NOS PRÓPRIOS CHIFRES OU RABOS. A VERDADE É QUE OS DELEGADOS MORREM DE MEDO DE PERDER AS MORDOMIAS DE VIATURAS OFICIAIS PARA CARREGAREM AS CAIXAS DE CERVEJA DOADAS PELO JOGO DE BICHO E TRÁFICO DE DROGAS, POIS SOMENTE AGORA QUE CONSEGUIRAM A CARREIRA JURIDICA (DE DIREITO E DE FATO), ESTAM COM A BARBA DE MOLHO, POIS ALÉM DOS PROMOTORES QUE SEMPRE DIZEM QUE O INQUÉRITO NÃO FAZ FALTA, AINDA TEM OS RATOS DO OFICIAIS DA PM, QUE PODEM A QUALQUER MOMENTO ASSUMIREM DELEGACIAS E COMO A PENETRAÇÃO POLÍTICA DOS OFICIAIS DA PM É GRANDE, "BABAM TODO TIPO DE POLÍTICO, EMPRESÁRIO, BICHEIRO E OUTRAS QUALIFICADORAS, POIS MANIPULAM A INSTITUIÇÃO PARA BENEFICIAR UM E OUTRO RATO COMO ELE, ALÉM DO GOVERNADOR, TEM PREFEITO JUIZ E ATÉ O RATO DO D. ANGELO, DO DIREITOZUMANOS DO CRIME E O CIDADÃO QUE SIFU...OS DELEGADOS PODEM FICAR DESEMPREGADOS E AI ESTÃO QUERENDO MOSTRAR QUE EXISTEM, PASSANDO ATÉ A TRABALHAEM ACREDITEM, TEM DELEGADO FAZENDO ATÉ LOCAL DE CRIME, AO INVES DE IREM PARA CASA DORMIR OU NAMORAR. COMO É COMPETENTE A CÚPULA DAS PM E PC E OS JACUS DE GALOXAS DOS PRAÇAS E AGENTES E ESCRIVAES FICAM SE DEGLADIANDO POR ESTA CORJA. LEMBRE-SE QUE SE HOJE ELES CONTINUAM NO PORDE E GANHAM BEM FOI PELA CORAGEM DE AGENTES DA PC E PRAÇAS DA PM QUE FORAM ÀS RUAS EM 1997. NÃO LEMBRO DELES LÁ, FICARAM DEBAIXO DE SUAS MESAS BABANDO O RATÃO AZEREDO . PRAÇAS E AGENTES PENSEM NISTO, ESTAMOS SÓS, ELES SÓ PENSAM NELES E DEPOIS DE UMA TRAGÉDIA VÃO ENCHER A CARA JUNTO, VEJA O QUE ACONTECEU COM A GREVE DA PC, DEPOIS QUE OS DELEGADOS CONSEGUIRAM A CARREIRA JURÍDICA TEVE ATÉ PUNIÇÃO DE COLEGAS E O CHEFE DE POLÍCIA METEU OS FERRO, TAL QUAL OFICIAL. CUIDADO DEIXEM QUE SE MATEM E MAIS CUIDADO AINDA COM SINDICALISTAS E LIDERANÇAS DE CLASSE QUE SE BENEFICIARÃO EM ELEIÇÕES SE PROMOVENDO COM NOSSO SACRIFÍCIO, NÃO SE DEIXEM LEVAR, QUE RESOLVAM SEUS PROBLEMAS POIS OS NOSSOS ELES NUNCA RESOLVEM MESMO

Anônimo disse...

Nós os Milicianos de Minas os PMs mais antigos do Brasil, precisamos neste momento, de afronta do Presidente da Câmara de Deputados Federais, dar um ultimato, para que essa PEC 300 seja votada e Sancionada o mais breve possível, pois isso nos deixa estressados demais, de uma lado o Deputado Michel temer, de outro lado os Policiais Militares e Bombeiros Militares do País inteiro em uma queda de braço. Nós precisamos de uma decisão~são, Sabemos que o Sr. Capitão Assunção Deputado Federal entre outros parlamentares estão a nosso favor, e outro lado alguns Deputados que não aceitam um piso salarial para as Tropas do Brasil. Olha que isso pode virar coisa pior...

Anônimo disse...

aquela frase é verdade: a tropa é um elefante branco, tem muita força, mas esta presa por um barbante amarrado em um pé de alface, ou seja não sabe a força que tem.Vendo os comentarios dos colegas e com certeza muitos militares além de outros dizendo que oficial não pode ser carreira juridica, que agora soldado não pode mais fazer cfo, mostra tudo. É verdade é melhor ser mandado por um oficial que não sabe nada, né? a diferença entre justiça comum e a justiça federal, isso o básico., temos que parar de olhar para o próprio umbigo, tem que ser bacharel em direito para ser oficial, faça um curso de direito?se quiser ser oficial praça, alguns colegas se equivocaram pois a prf já exige o curso superior, e os soldados mais modernos a maioria tem curso superior.O que distingui a carreira juridica? todo bacharel pode exercer a carreira juridica, não tem absurdo , não tem nada, ridículo é quem é contra os oficiais fazem tranquilamente o serviço do delegado,além de inquérito é claro, e muitos praças fazem o serviço de uma delegacia inteira, pois, no momento da entrega da ocorrencia levam tudo mastigado, muitas vezes o preso , a vítima e as testemunhas, fgicando para a pc a parte mais fácil, quando iniciamos uma ocorrencia ela vai até o final, e o inquérito???então caros amigos é melhor ter como superior uma pessoa que vc sabe que resolve os problemas, e saiba de lei, não os que temos hoje, com todo o respeito, pois alguns oficiais são muito bom.Essa será nossa valorização, então vamos deixar de capricho, se vc não é formado em direito e quer ser oficial, pode ir entrando em uma faculdade de direito, é melhor estudar e buscar uma meta para seu futuro do que ficar chorando dizendo que foi injustiçado, agora quanto a carreira jurídica, normal, tem que ser, vou dar mais um motivo , oficial trabalha mais que delegado.P. V

Anônimo disse...

CB Julio, contamos com seu apoio a PL da PMMG, pois tudo que benefiar os oficiais irá benefiar os Praças, afinal temos um regulamento que atrela os salários na PMMG.

Anônimo disse...

Alguém pode me dizer como está o meu time Cruzeiro nos USA, bola pra frente gente, são 30 anos assim de sofrimento. Quando reforma recebe mensalmente uma caixa de remédios para o coração. KAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKAKK........................

mfg37 disse...

ola

mfg37 disse...

Bom dia. Acho que nós PM deveríamos para de jogar pedras, sem analisarmos as questões.
A carreira jurídica para os oficiais será um avanço, tanto para oficiais quanto para as praças. Já pensaram, sermos comandados por oficiais que são exímios conhecedores do direito, pessoas humanizadas, pessoas que estiveram na faculdade e que prezam o conhecimento e não a borçalidade. Vejo que será um ganho.
Em relação ao fato de alguns companheiros criticarem a PMMG, acho que essas pessoas são hipocritas e que realmente estão cuspindo no prato que comem. Meu pai foi soldado por 30 anos e reformou como cabo e tenho em mente que com toda a dificuldade existente a décadas atrás, ele me criou com dignidade e respeito. Estudei no colégio Tiradentes e se não fosse o Tiradentes, o HPM e os valores de nossa instituição, talvez hoje não estaria trilhando o caminho do bem.
Vejo que temos muito a melhorar, mais admito que uma das melhores coisas que já fiz, foi entrar na PMMG. Uma instituição tão democrática, que permite ao Soldado galgar até o posto de Coronel, bastando apenas o esforço próprio.
Peso que é mais fácil esculaxar do que valorizar, e algumas ervas daninhas sempre tentam macular nossa polícia, porém, graças a deus temos em sua maioria grandes homens/honestos.
Agradeço a deus por ser integrante da PMMG, local onde tiro o meu sustento e o alimento de meu filho.

Anônimo disse...

Concordo em número gênero e grau com o "mfg37".

O que tenho, foi conquistado com muito sacrifício, muitas noites mal dormidas, muitas dobradinhas nos finais de semana e feriados, mas sempre com honestidade. Dou graças a DEUS por ter encontrado a PMMG pelo meu caminho, a qual me proporcionou concluir meus estudos e fazer dois cursos superiores, além de esposa e filhos também usufruirem dos benefícios que esta Corporação proporcinou. Fico triste ao ler, neste Blog, opiniões rancorosas de certos irmãos de farda, quando fazem comentários depreciativos contra a Instituição que eles mal conhecem, ainda não sabem o que é ser um Policial Militar... ainda não deram sua contribuição a sua Instituição.
Não conheço ninguém que denigre de forma tão veemente a empresa em que trabalha, como muitos de nós denigrem a PMMG. Na maioria das vezes, esses que criticam, são exatamente aqueles adeptos da máxima de que "quanto pior, melhor", e além de não fazerem nada para mudar, ainda "azaram" quando aparece algum PM visionário e idealista, alguém que demonstra interesse em contribuir com alguma coisa para tornar melhor nossa PMMG. O exemplo maior disso, são as críticas de alguns colegas sobre a exigência de curso superior para se ingressar na PMMG. Oras, mais dia menos dia isso iria ocorrer. Se queremos ser reconhecidos e valorizados temos que passar por essas mudanças. Isso são avanços... basta ver o que está acontecendo com algumas polícias militares brasileiras ( PMDF, PMSE, PMTO e PMGO ). Isso para nos ater apenas nas PPMM, pois não citei PF, PCDF e nem a PRF, onde, devido já ser exigido o nível superior a mais tempo, para o ingresso em seus quadros, os salários são os maiores atrativos. Ou estou errado?
O que precisamos, e urgentemente, é crescermos, tanto pessoal, quanto profissionalmente, e isso só se consegue através do CONHECIMENTO, DO SABER E DE COESÃO. Vamos deixar de lado essas picuinhas, essas rivalidades internas que só levam a nos dividir ainda mais; devemos unir esforços e canalizar nossas forças contra o mesmo inimigo que é seu e meu, já que estamos no mesmo barco e mavegando pelo mesmo rio, e aproveitando que estamos em ano eleitoral, sugiro a todos que deem uma lida nos três tópicos, sob o título "ORGANIZAÇÃO POLÍTICA", que postei abaixo.

Anônimo disse...

Tendo observado ao longo dos tempos, esta falta de politização da maioria de nossos policiais militares, por incrível que pareça, a falta até de educação base, sendo a partir desta, que se adquire o senso crítico para percepção de tudo que nos cerca, e por fim, visando contribuir de alguma forma, nesses poucos meses que antecedem o pleito eleitoral, tomei a iniciativa de postar alguns tópicos relacionados ao citado tema. Acho até que seria conveniente que algum de nossos representantes políticos, ou ambos, ou quem sabe alguém de nossas associações lesse o presente texto, e pudesse tirar algo de bom e por em prática. A saber:
ORGANIZAÇÃO POLÍTICA

- UNIR A TROPA E FOMENTAR A PARTICIPAÇÃO POLÍTICA;
- EVITAR A PULVERIZAÇÃO DE VOTOS;
- ELEGER O MAIOR NÚMERO DE CANDIDATOS.

Criar e divulgar um canal oficial de comunicação, visando a centralização de opiniões e o debate de ideias. As prévias surgem como uma opção para viabilizar essa comunicação entre tropa e seus futuros e atuais representantes políticos;
São inúmeros os PMs de MG que se apresentam no período eleitoral, muitos destes sabem que não possuem reais chances de serem eleitos, porém visam algum benefício que não será estendido ao nosso coletivo. É preciso, portanto submeter estes pré-candidatos ao crivo da tropa, selecionando entre os mais aclamados nossos possíveis candidatos;
Esta consulta é fundamentada nos Princípios Básicos da Administração Pública: legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência. Adicionamos a isso os princípios democráticos da legitimidade e transparência. Não sabemos qual o resultado que a consulta pode apresentar, entretanto sabemos que se a tropa participar efetivamente nós teremos uma ferramenta muito poderosa e eficiente de pressão política. Tanto para os candidatos escolhidos pela consulta, como para os candidatos que desejam ser escolhidos pela tropa.
Sei que colocar isso em prática, é o mesmo que quebrar paradgmas conservadores e arcaicos, e isso não é nada fácil, onde a vaidade pessoal, o egocentrismo falam mais alto. Mas, não se inicia uma longa caminhada, sem dar o primeiro passo, não é mesmo? Abraços a todos os policiais militares e bombeiros militares de MG.

Anônimo disse...

EU QUERO SER PM,MAS SE FOR PRA TER DIREITO VOU EXERCER A FUNÇÃO DE DIREITO.aCHO Q ISSO DESRESPEITA AOS PMS Q JÁ ESTÃO NO RAMO A ANOS,ISSO PRA MIM É DE BAIXO CALÃO,POIS VEJA BEM,EU IREI FORMAR PRA DIREITO E SEREI PM?TENHA UM POUCO DE SENSO NÉ?

Anônimo disse...

Apesar de não entender bem esta questão de polícia civil, militar, federal, guarda municipal, etc, tenho notado que a classe de oficial deve ser bem forte. todo mundo odeia oficial, os soldados, os delegados e os policiais. Só que de forma escondida, através da internet. Aposto que ao aproximarem de um oficial (pelo que vejo é coronel e capitão) estas pessoas lhes puxam o saco. também quero ser oficial para ter poder como eles. Se os oficiais não tivessem poder, ninguém falaria deles.

Tiago disse...

Anonimo Bom tenho 23 anos e acbo de terminar a facudade de fisioterapia e estou louco pra entar na PMMG como um oficial, eu como estudei minha vida inteira quando terminei o ensino médio queria fazer o Cfo mas, achei interessante ter um curso superio antes para ter uma vi~sao mais critica de uma ordem intelectual para poder repassar isso em um respectivo cargo da PMMG mais tarde. Agora vcs vem me dizer que a exigência de um curso de direito para o quadro de oficiais não é um absurdo que vai fazer bem a corporção aumentar os sálarios etc. Isso só vai servir para um bando de carniceiros que nunca se interessaram pela corpoiração ingressar nela apenas pelo salrio e pelo status e nao pela justa causa de exercer o policiamento. Acho sim que que a exigencia de um curso superio enobrece e qualifica mais os pms mais com qualquer curso e naum um curso de direito. Queria saber na onde que um advogado é melhor que fisiotrapeuta engenheiro educador fisico etc... PELO AMOR DE DEUS ACORDEM!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Exigir curso superior só para registrar um boletim de ocorrência???

Anônimo disse...

Curso superior para ir atras de marginais ? pra sofrer nas ruas com problemas das pessoas ? pra isso eh necessario curso superior ? Que criatura com curso superior vai querer se tornar um-soldado-da pm ? fazmerir!

Anônimo disse...

Os Delegados queriam ser DEUSES hoje sabem que não são e não conseguiram....

Ja os ofiiais que se achavam DEUSES hoje teem certeza.....

Anônimo disse...

Meu sonho era entrar pra PM com 18 anos! Agora esse negócio de curso superior atrapalhou tudo! eu acho que pra ser um bom policial não precisa disso! Por que os cada policial tem sua personalidade e conduta! e isso é uma coisa que vem do "berço", então curso superior não vai adiantar em nada!vai piorar as coisas, por quem vai querer deixar de entrar na carreira jurídica para ser um policial cujo
trabalho não é valorizado pela maioria da sociedade.

Anônimo disse...

Não concordo com a ideia de que umas pessoas possuírem algum curso superior na área da medicina, apenas faz um curso 04 a 06 meses e sai segundo tenente, mandando em deus e o mundo. Os outros militares que já possuem algum curso superior em outras áreas é jogado no mesmo bolo de quem não corre atrás de nada.É uma vergonha, conheço engenheiros,analistas de sistemas, soldados e sem expectativa de serem promovidos à uma graduação melhor, no mínimo. Isso é uma vergonha, desmotivante!!!!!!!!!!!!!!

 

BLOG OFICIAL DO CABO JÚLIO Copyright © 2011 - |- Template created by O Pregador - |- Powered by Blogger Templates